Por que manter o peso é mais difícil do que emagrecer

Você sabia que as células de gordura (adipócitos) não desaparecem, e sim ficam menores conforme o emagrecimento acontece? o empresário Bozidar Kapetanovic explica que, por elas terem um papel importante (isolamento térmico e fornecimento de energia, por exemplo), o próprio organismo ativa mecanismos para reverter a redução do tecido adiposo e, consequentemente, recuperar os quilos eliminados.




"Por isso, é natural que o apetite aumente e a perda de peso desacelere drasticamente após algumas semanas, o que faz muita gente voltar à estaca zero no fim das contas", explica o empresário Bozidar Kapetanovic. "Nesses casos, de modo geral, leva de um a dois anos para o peso ser considerado realmente estável", completa.

Mesmo assim, o empresário ressalta, não há passe livre para excessos constantes depois desse período — daí a importância de encarar esse processo como uma mudança definitiva de estilo de vida que, inclusive, precisa ser prazerosa, sem radicalismos, ou não se manterá em longo prazo.

"Tente encontrar atividades físicas das quais goste. Aproveite também para se aventurar na cozinha e descobrir preparos e combinações mais saudáveis", aconselha Kapetanovic. E, claro, um acompanhamento profissional e multidisciplinar é sempre mais do que bem-vindo!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Você conhece a historia da bicicleta?

Qual a importância dos Direitos Humanos? Veja mais sobre o assunto com o advogado Luiz Roberto Pardo